Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

It takes two to tango

Porque o que um não quer, dois não fazem.

It takes two to tango

Porque o que um não quer, dois não fazem.

Do meu trabalho

O trabalho novo bate aos pontos o antigo numa coisa, pelo menos - o horário, que é mesmo respeitado. Eu entro às 09.00 e se às 18.00 estou a sair ninguém olha de lado. Mas também é exigente. Vou tendo estes momentos entre a minha disponibilidade mental para iniciar outras tarefas, em que posso vir aqui. Mas ando com a cabeça em papa. Ontem, então, estive 7 das minhas 8 horas de trabalho de volta de um ficheiro a tentar corrigir erros que não encontrava. Consegui e atirei a toalha ao chão, que não estava capaz de me jogar a outra tarefa.

Vou tendo sobressaltos. Sou a única com as minhas funções na empresa. Funções cheias de responsabilidade. Tenho mini ataques cardíacos (agora com menos frequência) ao longo do dia de coisas que me vou lembrando e ainda entro em pânico quando o chefe me chama - resquícios do que passei no anterior.

Mas preciso de uns dias e estou a ansiar por dia 28 e descansar a meio da semana. Preciso muitooooo. E ainda tenho um processamento salarial inteeeeeeeiro pela frente.

1 comentário

Comentar post