Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Manifesto da Garota

"Desabafos resultados de fraquezas", música, politiquices, opiniões gratuitas e posts sem conteúdo. Acima de tudo, vida, muita vida!

O Manifesto da Garota

"Desabafos resultados de fraquezas", música, politiquices, opiniões gratuitas e posts sem conteúdo. Acima de tudo, vida, muita vida!

Do crescimento pessoal # - aceitação

Este foi um fim de semana de retrospecção. Sou uma pessoa diferente. Sou mesmo. Em todos os aspectos. Mudei muito este ano, mas é uma mudança que tem sido feita, notoriamente, desde 2005, quando entrei para a faculdade (foda-se, não tarda muito há dez anos!). E apetece-me agradecer a todas as pessoas. Estranha a clara noção que tenho hoje, agora, de que se não fossem todas as pessoas que passaram pela minha vida, as boas e as más, as que entraram e saíram, as que ficaram, todas, sem excepção, a minha vida não teria sido o que foi, até agora, e eu não seria um terço da Mulher que sou hoje. Reparem, Mulher. Sim. Não me vejo garota, sendo-o sempre. Sou uma mulher. É estranho, mas soa bem e adequa-se áquilo que sou. Sou bem mais, muito mais que a Garota apaixonada e insegura e, talvez mesmo, tótó que aqui escarrapacho. Essa é a parte de mimcom a qual não sei lidar. Então, debito-a aqui, escondida atrás deste computador. A parte cobarde. Incapaz de sair à luz do dia. Mas sou mais, sou muito mais. Sou uma mulher com uma carreira em construção, com muito para aprender, mas muita tenacidade. Sou uma amiga bestial, sou a melhor irmã, a melhor filha, a  melhor neta. Sou aquela pessoa com a qual os meus amigos, perto ou longe, mais presentes ou mais ausentes, sabem que podem contar sempre. Sou decidida, determinada, guerreira. Sou séria, e divertida. Sou, acima detudo, uma pessoa muito mas muito humilde, com total consciência do seu caminho, dos seus objectivos, justa, e muito orgulhosa da pessoa em que se tornou.

 

Se preciso de mais alguma coisa para ser feliz? Só se fosse o Euromilhões. De resto, I have it all.