Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Manifesto da Garota

"Desabafos resultados de fraquezas", música, politiquices, opiniões gratuitas e posts sem conteúdo. Acima de tudo, vida, muita vida!

O Manifesto da Garota

"Desabafos resultados de fraquezas", música, politiquices, opiniões gratuitas e posts sem conteúdo. Acima de tudo, vida, muita vida!

Os prazos e as esperas

Em Outubro, final de Outubro, mesmo, descobri que estava aberto um procedimento concursal para um organismo do Governo, e que pediam, adivinhe-se, juristas. Mas não só juristas. Juristas de relações laborais, que é como quem diz, de Direito do Trabalho. Que é como quem diz, eu. Não demorei mais de 10 minutos após ter visto o aviso no Diário da República a preparar a minha candidatura. Afinal, além de quererem juristas de relações laborais, também anunciavam que a posição remuneratória seria a 5.ª da Tabela Remuneratória Única, que é como quem diz um grande ordenado, que é como quem me acena com uma vida sem problemas e contas por pagar... 

 

No dia seguinte estava lá, de documentos na mão, pronta a entregar a candidatura. Há prazos legais para avaliar as ditas. O prazo legal deste concurso acabou vai para um mês e não há novidades. Mentira. Dizem  no site que concorreram muitas pessoas (27 vagas para as mais variadas áreas) e ainda não conseguiram ver a validade de todas as candidaturas... e eu em ânsias à espera. Todos os dias o mesmo ritual. Chegar ao trabalho, abrir mails, abrir site, suspirar pela falta de novidades, respirar fundo e acreditar que tarda mas que vai vir. Que me vou esforçar. Que pode ser meu. Que vou poder respirar em paz... que isto de ser estagiária numa grande multinacional e a praticar a área do Direito que amo é muito bom, muito bonito, mas um sufoco na carteira...